Comer bem significa comer caro?

June 12, 2017

 

 

Em épocas instáveis, como a que vivemos agora, precisamos escolher nossas prioridades e montar um plano de quais são as necessidades mais importantes para nós no momento. A grana encurta, algumas vontades precisam ser deixadas de lado, mas é necessário sempre mantermos os olhos em uma prioridade específica: a alimentação.

 

A sua alimentação precisa ser mantida sempre no topo da sua atenção. Já falamos anteriormente, mas é sempre bom relembrar, que existem alimentos funcionais que são necessários para a nossa dieta e que esses alimentos podem fazer maravilhas por você e sua família (até por que sabemos que manter sua família alimentada de uma forma 100% saudável não é fácil, né?).

 

Normalmente, quando falamos em comer bem logo já associamos que vai custar mais dinheiro do que se comêssemos uma comida normal, como se alimentar-se da forma correta fosse sinônimo de gastar mais.  Mas o que é pagar caro, e o que seria uma comida normal?

 

Esse pensamento não poderia estar mais errado e vamos dar alguns exemplos abaixo de como comer bem não significa comer caro, e como fazer essa escolha pode inclusive reduzir os seus custos.

 

Quantidade X Qualidade – Por qual você opta?

 

Um exemplo claro para vermos que uma coisa não tem a ver com a outra é imaginarmos quantas vezes vamos ao fast food por mês. Pare e reflita agora quantas vezes você, seus filhos, ou qualquer outro membro da sua família vai ao fast food favorito durante o período de um mês.

 

Se você for apenas duas vezes ao mês, posso garantir que você gasta o valor equivalente a 3 ou 4 refeições saudáveis completas, além de não ingerir quase nada de nutritivo para a sua saúde.

 

Inclusive, podemos abrir um ótimo parênteses aqui, e devemos dizer que comer muito não significa que você esteja comendo da forma correta. A quantidade de nutrientes correta não está na quantidade de comida ingerida, e sim na qualidade da mesma. Esses conceitos (qualidade e quantidade) são bem distantes um do outro, e posso assegurar que na rua você acaba recebendo mais quantidade do que qualidade.

 

Em um fast food, por exemplo, se você pedir um combo com acompanhamentos e refrigerante estará ingerindo bastante comida, porém com um valor nutritivo extremamente baixo, além de gastar um valor mais alto do que seria uma refeição comum.

 

Como melhorar sua alimentação, sem mexer no seu orçamento.

 

 

Parece mentira, mas se alimentar em casa, com conforto e qualidade, pode sair muito mais barato do que parece. Veja nosso post sobre o nosso cardápio low e alimentos funcionais, e conheça um pouco mais sobre essa alimentação, e conheça também nosso cardápio e promoções semanais.

 

Faça o teste, compre um dos nossos produtos, experimento-o e faça as contas no final do mês. Você pode se alimentar com uma refeição 100% cheia de qualidade, com uma quantidade balanceada e um gostinho caseiro. 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Destaques

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Recentes

08/07/2019

Please reload

Arquivos

Please reload

Tags